• Publicado em

    Bancário surta, atira em duas colegas e se mata em seguida dentro de banco; alvo era o chefe

    Glei Mario de Lemos Leal invadiu o escritório da agência da Caixa Econômica Federal, localizada no Edifício Dois de Julho, na Avenida Paralela, em Salvador, Bahia, atirou em duas colegas de trabalho e depois se matou por volta das 13h50 desta quarta-feira (21). Ele é funcionário da Caixa, que tem escritórios no edifício.

    Não chegou a ter tumulto, porque os colegas foram falando pra gente se trancar nas salas. Foi o que eu fiz. O clima tá péssimo, fiquei muito assustada. É lamentável que a pessoa chegue a esse ponto”, contou a bancária Daliene Riccio, 34 anos.

    Alex Alves, do setor jurídico, também se trancou na sala. “A gente ficou sabendo de que tinha havido tiros no 15º andar e se trancou na sala. A gente é do jurídico, eu não lembro assim dele”, disse o funcionário.

    As duas vítimas foram socorridas para o Hospital Geral do Estado (HGE) e Hospital São Rafael. A vítima encaminhada para o HGE é uma mulher, que foi atingida na cabeça e está em estado grave.A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que ele “trabalhando normalmente, quando levantou e começou a atirar nos colegas, em seguida, se matou”. Em nota, a Polícia Militar informou que o homem era funcionário da Caixa e atirou contra duas colegas de trabalho durante o expediente e se matou em seguida.

    Não há informações exatas sobre o número de feridos, nem a identidade das vítimas. O prédio foi evacuado e isolado pela polícia.

    Equipes da 82ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM-Paralela), do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Rondesp foram enviadas ao local.

    Em nota, a Caixa disse que não vai fornecer detalhes sobre o que aconteceu. “Os detalhes sobre o ocorrido serão repassados exclusivamente às autoridades policiais”. O banco disse ainda que está contribuindo com o trabalho de investigação e dando suporte aos funcionários e seus familiares.

    Segundo as investigações o alvo do homem era seu chefe, que não foi atingido. Fonte/ simoesfilho

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.