• Publicado em

    Bebê de 14 dias morre sob suspeita de asfixia após amamentação em Jaraguá-Go

    De acordo com informações do tenente do Corpo do Bombeiros, Giskard Nunes, a mãe deu de mamar à criança na manhã deste sábado (28), e logo depois pôs o bebê para dormir no berço.

    Um recém-nascido de 14 dias, morreu na manhã de sábado, 28 de julho em Jaraguá, sob suspeita de ter sido, possivelmente, asfixiado, somente o laudo da perícia para confirmar. O fato ocorreu por volta das 10h30, no setor Dema da Mata.

    De acordo com informações do tenente do Corpo do Bombeiros, Giskard Nunes, o recém-nascido havia acabado de mamar no peito, a mãe o colocou para dormir, não foi informado para a equipe do Corpo de Bombeiros se o bebê havia arrotado antes de dormir.

    Giskard, relata que a mãe percebeu que o bebê estava roxo, momento em que a equipe foi acionada. Por telefone o atendente pediu para que a mãe realizasse os procedimentos, enquanto isso, a equipe já foi direto para residência da vítima.

    Ao chegar no local, segundo o tenente, o recém-nascido já não respirava, mas foi feito todos os procedimentos e a criança foi levada para o Hospital Estadual Sandino de Amorim. Giskard, afirma que ao chegar no hospital, a pediatra que atendeu a criança tentou reanima-la, realizou os procedimentos necessários, mas o bebê já estava sem vida.

    O Hospital Municipal Sandino de Amorim, não deu mais detalhes sobre o caso, a médica que atendeu o recém-nascido disse que não é autorizada a passar informações. Ainda não conseguimos contato contato com a mãe da criança. Com informações do site folha de Jaraguá.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.