• Publicado em

    Cabeleireiro é morto a tiros no próprio salão, em Jataí

    A vítima, Renato dos Santos, de 37 anos, estava cortando o cabelo de um cliente quando foi surpreendido por dois homens em uma moto. Os autores foram presos em Rio Verde.

    Vítima: Renato dos Santos

    Nesta quinta-feira (19), o cabeleireiro Renato dos Santos, de 37 anos de idade, foi assassinado à tiros dentro de seu próprio estabelecimento, no Setor Antena, em Jataí.

    Segundo as informações dadas pelas testemunhas presentes no local, Renato estava cortando o cabelo de um cliente, quando, recebeu os tiros. Uma dupla em uma motocicleta vermelha parou no local, o garupa desceu do veículo e realizou os disparos.

    Um dos presentes na cena do crime, informou que ouviu quatro disparos. A vítima não resistiu e morreu no local. A razão do crime ainda não é conhecida. Via DM

    Leia também: Preservação da camada de ozônio é um desafio da atualidade

    Em ação rápida Polícia prende os autores do crime:

    De acordo informações divulgadas pela 14º CRPM, a CPE de Rio Verde – GO, com Equipe comandada pelo Sgt Joel, após receber informações da polícia militar da cidade de Jataí-GO, sobre um homicídio ocorrido no município, por volta de 15h00min do dia 19/09/2019. Diante disso, deu-se início nas diligências a fim de prender os autores do crime.

    Às 16h30min, o veículo utilizado, ONIX de cor branca placa OMI-8684, foi visto em patrulhamento pelos homens de preto, que após breve acompanhamento, conseguiu abordar os 03 indivíduos do crime, que já adentravam numa residência, na cidade de Rio Verde-GO.

    Após entrevista policial, os indivíduos confessaram serem os autores do crime, indicando onde tinham escondido a arma que vitimou Renato dos Santos de 37 anos.

    Portanto, todos os envolvidos, a arma e o veículo utilizado na cena, foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil de Jataí-GO, para início do flagrante.

    Presos:

    Anderson Victor da Silva, 26 anos.

    Possui passagens por: Art. 121 (homicídio), Art. 180 (receptação), Art. 12 (porte de munição).

    Maciel Moreira Borges, 26 anos.

    Possui passagens por: Art. 157 ‘3° (latrocínio).

    Daniel Arantes Andrade, 20 anos.

    Possui passagens por: Art. 121 (homicídio), Art. 33 (tráfico de drogas), Art. 157 (roubo).

    Arma do crime: Revólver, marca Taurus, cal. 32.

    Os três acusados

    Repórter Mari JTI

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.