• Publicado em

    Cantor sertanejo é preso por ser chefe de quadrilha que fez rombo milionário

    Cantor da dupla sertaneja Fábio e Rafael é preso em Londrina, no Paraná.

    O cantor Rafael Francisco Frare Siqueira foi preso na manhã desta quarta-feira (20) durante a Operação Sem Filtro, da Polícia Civil. O artista, que forma a dupla sertaneja Fábio e Rafael, foi acusado de participar de uma quadrinha que falsifica cigarros. Ele seria o chefe do grupo que teria dado desfalque milionário com a pirataria de cigarros. A Justiça pediu que os bens de Rafael sejam sequestrados. O valor solicitado é de R$ 6,5 milhões.

    A prisão ocorreu em um prédio de alto padrão na cidade de Londrina, no Paraná. Um ônibus da dupla sertaneja também acabou sendo apreendido. O caso acabou sendo compartilhado por todo o país por fãs  e também pelo portal de notícias G1.

    Até o momento, o ídolo das multidões ainda não de pronunciou a respeito do assunto.

    Cantor sertanejo Rafael, da dupla Fábio e Rafael, é preso por falsificação de cigarro, no estado do Paraná

    As acusações contra o cantor são consideradas graves. Além da falsificação em si, Rafael Siqueira é acusado de lavar dinheiro, formar uma quadrilha de bandidos e também agir contra a saúde pública. Ele, lembrando, é acusado também de gerenciar toda a organização criminosa, o que perante um juiz pode ser avaliado como algo ainda mais grave.

    Por enquanto, o artista ainda não se manifestou desde sua prisão, mas causa uma grande apreensão nos fãs, que usam as redes sociais para mostrarem perplexidade diante do caso. “Não acredito que ele tenha sido capaz de fazer isso. Já ganhava muito com a música”, disse uma pessoa ao comentar no Facebook oficial do artista famoso.

    Operação Sem Filtro ocorre em todo o país e deve acabar com 16 prisões na luta contra falsificação de cigarro

    O cantor não é o único preso na Operação da Polícia Civil. A ação, além do Paraná, envolve os estados da Bahia, Minas Gerais e São Paulo.

    Além de Rafael, outras 15 pessoas devem ser presas, pois os mandados de prisão já foram expedidos. Dezenove mandados judiciais de busca e apreensão também foram expedidos.

    Operação policial Sem Filtro prende até cantor sertanejo

    O cantor foi preso ainda de manhã. Ele ainda teve mais de R$ 6,5 milhões em bens bloqueados a pedido da Justiça. Rafael é acusado de ser o chefe da quadrilha e usaria a música como um meio de disfarçar o esquema. Dezenove veículos também foram apreendidos pela Polícia Civil.

    São vários os locais onde a polícia realiza a operação. Até mesmo fábricas de cigarro clandestinas estariam sendo periciadas pelos policiais.



    Fonte/É Manchete Blasting News
    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.