• Publicado em

    Chuva do final de semana ajuda milho em Jataí, mas perdas consolidadas já estão em 35%

    Município enfrentou período de até 50 dias sem chuvas e á reduziu bastante a expectativa inicial de produtividade média de 120 sacas por hectare. Queda na produção e muitas vendas antecipadas com preços mais baixos devem dificultar rentabilidade neste ano.

    De acordo matéria do Portal Notícias Agrícolas, as lavouras de milho safrinha em Jataí em Goiás receberam uma média de 70 mm de chuva no último final de semana. Isso ajudou a recuperar algumas áreas e estancar novas perdas, mas muitas localidades já estavam impactadas por conta da estiagem.

    Segundo o presidente do Sindicato Rural de Jataí/GO, Vitor Geraldo Gaiardo, foram até 50 dias sem chuvas na região o que já consolidou perdas de, pelo menos, 35% da produtividade média esperada que era de 120 sacas por hectare.

    Outro efeito da estiagem foi a antecipação do ciclo da safrinha, o que levará ao início da fase de colheita entre os dias 15 e 20 de junho.

    Olhando para o mercado, Gaiardo destaca que um volume expressivo de negociações já foi fechado antecipadamente com preços entre R$ 42,00 e R$ 55,00. Agora, a colheita vai diminuir e juntamente com ela os volumes restantes para venda nos atuais preços de R$ 82,00. A expectativa da liderança é que fique mais difícil obter grandes lucros nesta situação.

    Confira a entrevista completa com o presidente do Sindicato Rural de Jataí/GO no vídeo.

    Repórter Mari JTI

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.