• Publicado em

    Ciclista morre atropelado logo após matar mulher em Hotel em Goiania

    Apesar do ciclista ter dito à empregada do hotel que a vítima era namorada dele, a polícia informou que a vítima era casada com outro homem.

    Um ciclista  morreu após uma colisão frontal contra um caminhão na BR-153, próximo ao viaduto sobre a Avenida Anhanguera, em Goiânia, ele é suspeito de matar, alguns minutos antes do acidente, uma mulher com perfurações no pescoço em um hotel onde eles estavam hospedados, de acordo com a Polícia Civil.

    Segundo a delegada titular da Delegacia Estadual de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict), Marcos Lima dos Santos se hospedou juntamente com uma mulher em um hotel nas proximidades do local do acidente e logo pela manhã executou a mulher com perfurações no pescoço.

    Ao sair do hotel, o ciclista disse para a recepcionista que a companheira estava cansada e ficaria dormindo até o final da diária, momento em que foi encontrada morta pelos funcionários do hotel. Em seguida, Marcos pegou a bicicleta e foi para a rodovia, quando aconteceu o acidente.

    Ainda segundo a delegada, no quarto foi encontrado veneno de rato perto do corpo da vítima e uma carta escrita pelo ciclista pedindo desculpa e relatando que o relacionamento tinha cerca de um ano e havia muitos conflitos. De ambos os corpos foram coletados material biológico para identificar se um deles consumiu o veneno. Via Jornal Diário da Manhã

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.