• Publicado em

    Detento é encontrado morto em cela de presídio de Anápolis

    Segundo a DGAP, outros presos avisaram que o homem estava passando mal. Ele cumpria pena por roubo e o caso será investigado pela Polícia Civil.

    Um preso foi encontrado sem vida dentro do Centro de Inserção Social Monsenhor Luis Ilc, em Anápolis, na noite desta terça-feira (4). Pablo Mickael Freitas Elesbão tinha chegado à unidade há menos de 24h ainda não se sabe o que causou a morte do detento. Aparentemente, segundo a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP),  o homem não foi agredido.

    Em nota, o órgão afirmou que agentes plantonistas foram chamados por reeducandos do pavilhão C depois que Pablo passou mal. Desacordado, ele foi removido da cela para receber atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a equipe pôde apenas constatar o óbito. A DGAP alega ainda que agentes não constataram sinais de violência contra o preso.

    Pablo foi detido em 2017, por roubo, e em razão da progressão de pena, passou ao Regime Semiaberto em 2018. Na tarde desta terça, ele foi preso por supostamente integrar uma quadrilha especializada em roubo de cargas. A diretoria ressaltou que um procedimento administrativo foi aberto para apurar o fato, que também foi registrado na Polícia Civil.

    Fonte/Mais Goiás

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.