• Publicado em

    Dupla invade estúdio e mata radialista durante programa ao vivo

    Segundo a PM, os dois se passaram por anunciantes. Radialista era conhecido no Ceara por fazer denúncias contra políticos da região

    O radialista Gleydson Carvalho foi executado a bala quando estava apresentando o programa Liberdade em Revista em uma radio em Camocim, no Ceará.

    O crime  por volta das 13h35 desta quinta-feira (8), quando dois elementos trajando blusa azul e outro blusa preta, ambos de calça comprida, trafegando em uma Honda Broz branca, invadiram os estúdios da rádio Liberdade FM  e dispararam de três a quatro tiros no radialista. Informações extraoficiais dão conta que pelo menos um tiro havia atingindo a cabeça do radialista.

    Uma ambulância do município foi acionada para o local e ainda socorreu o radialista com vida ao HDMA. Infelizmente a vítima veio a óbito minutos depois de dar entrada no hospital.

    rty6Informações de uma pessoa que não quis ser identificada dão conta que a dupla seria da cidade de Martinóple. O radialista Enéias, amigo da vítima, afirma que o sinistro está ligado a crime de pistolagem.

    O Major Artunane Aguiar reuniu todo o aparato policial militar e está comandando pessoalmente as buscas à dupla que praticou o crime. O oficial disse que já entrou em contato como Comandante Geral da PM que de pronto determinou que equipes do Cotar e uma aeronave do Ciopare se deslocasse para Camocim para se embrenhar nas buscas. Ainda segundo o Major Artunane, recentemente o radialista Gleydson Carvalho havia ameaçado de morte via facebook por um indivíduo que já está sendo procurado.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.