• Publicado em

    Enem 2020: candidatos podem estudar através de provas e gabaritos das edições anteriores

    Material está disponível no site do Inep

    O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio (Inep) disponibiliza todas as provas e gabaritos das edições anteriores do Enem para os candidatos treinarem até os dias das provas. Essa dica é fundamental, principalmente, por conta do momento de pandemia em que o país está vivendo e os estudantes precisam estudar sozinhos em casa.

    Desde 2009, o Enem é composto por provas objetivas, com 45 questões cada, e uma redação. As áreas do conhecimento avaliadas são: Ciências Humanas e Suas Tecnologias, Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias, Matemática, Códigos e Suas Tecnologias, e Ciências da Natureza e Suas Tecnologias, além da produção de um texto que deve ser realizado no gênero textual dissertativo-argumentativo. O tema da redação só é revelado no dia da prova.

    Confira, abaixo, provas do Enem de 2015 até a sua última edição (2019):

    Prova do Enem 2019

    Prova do primeiro dia | Gabarito

    Prova do segundo dia | Gabarito

    Prova do Enem 2018

    Prova do primeiro dia | Gabarito
    Prova do segundo dia | Gabarito

    Prova do Enem 2017

    Prova do primeiro dia | Gabarito

    Prova do segundo dia | Gabarito

    Prova do Enem 2016

    Prova do primeiro dia | Gabarito

    Prova do segundo dia | Gabarito

    Prova do Enem 2015

    Prova do primeiro dia | Gabarito

    Prova do segundo dia | Gabarito

    Sobre o Enem 2020

    Este ano, 100 mil estudantes vão fazer pela primeira vez, desde a criação do Enem, o exame em sua versão digital. O MEC já liberou a lista de cidades e o número de vagas onde vão ocorrer as provas nesse novo formato. O Enem Digital vai acontecer nos dias 22 e 29 de novembro, já o impresso, em 1º e 8 de novembro. A previsão é que em 2026 todos os participantes do exame façam a prova apenas na modalidade digital.

     

    Fonte: Agência Educa Mais Brasil
    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.