• Publicado em

    Homem é preso suspeito por triplo homicídio em Goiás

    O filho da vítimas, uma criança de 2 anos, estava na casa no momento do assassinato, mas não foi atingido pelos disparos

    A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Caldas Novas prendeu em flagrante delito, na manhã desta quarta-feira (3), Lucas Soares da Costa, de 20 anos. Ele é apontado como autor do triplo homicídio ocorrido na noite do dia anterior.

    Marcos Paulo Feitosa, 25 anos, Douglas Oliveira da Costa, 31 anos, e Francisco Edinaldo Silva Oliveira Filho, de 21, foram atacados a tiros de pistola 9 mm em uma residência no Setor Paraíso II, em Caldas Novas.

    Leia também: Bomba: Promotor pede afastamento de outro vereador de Jataí, assista

    Francisco morreu no local. Douglas e Marcos Paulo chegaram a ser socorridos, mas também vieram a óbito na UPA da cidade. Uma criança de 2 anos, filho de Douglas Oliveira, estava na residência na hora do crime e, por sorte, saiu ilesa.

    Após ininterruptas diligências, foi levantada a autoria do crime e Lucas foi detido no início da manhã de hoje, numa marcenaria situada no mesmo bairro onde ocorreu o crime.

    Em seu interrogatório, Lucas confessou a prática do triplo homicídio e alegou que foi ameaçado dias antes por Douglas e Francisco. Também acrescentou que atirou em Marcos Paulo como forma de “queima de arquivo”, já que ele estava com seus dois desafetos na hora do ataque.

    O autor ainda contou que jogou a pistola 9 mm usada para matar as vítimas em um lago após ter consumado o crime. Lavrado o auto de prisão em flagrante, Lucas foi recolhido no presídio local à disposição da Justiça.

    Assista ao Jornal Das 11;

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.