• Publicado em

    Lula chega a São Paulo para acompanhar sepultamento do neto

    Arthur Araújo Lula da Silva, de 7 anos, faleceu nesta sexta-feira (1º), vítima de meningite meningocócica

    O velório de Arthur Araújo Lula da Silva, de 7 anos, acontece desde às 22h da sexta-feira (1º), no Cemitério Jardim das Colinas, em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. O menino, que é neto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, morreu no início da tarde de ontem, vítima de meningite meningocócica, e será sepultado neste sábado (2).

    A Justiça Federal concedeu autorização a Lula para que ele deixe a sede da Polícia Federal em Curitiba, onde está preso, para participar do velório do neto.

    Leia também: Vídeo tenso mostra resgate de homem no lago de São Simão 

    Segundo o UOL, o ex-presidente deixou a carceragem da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba rumo a São Bernardo do Campo às 7h deste sábado (2), em um helicóptero da Polícia Civil do Paraná que o levou até ao aeroporto de Bacacheri, na capital paranaense.

    De acordo com a “GloboNews”, o avião com o ex-presidente decolou às 7h18 de Curitiba e pousou por das 8h30 no aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

    Lula foi fotografado sem algemas e vestindo um blazer preto. Em Congonhas, o ex-presidente pegará outro helicóptero em direção ao cemitério Jardim das Colinas, em São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo. O corpo de Arthur será cremado às 12h.

    As informações sobre o deslocamento do ex-presidente ao local são mantidas em sigilo por parte das autoridades e da própria defesa do petista.

    Notícias ao Minuto

    FALECIMENTO

    Arthur foi levado para o Hospital Bartira, em Santo André, às 7h20 da sexta-feira com febre e “quadro instável”. O óbito foi confirmado às 12h11 “devido ao agravamento do quadro infeccioso de meningite meningocócica”, de acordo a assessoria da Rede D’Or São Luiz, responsável pela unidade.

    Segundo o G1, a morte de Arthur será investigada pela Vigilância Sanitária de Santo André, cidade onde Arthur residia e estudava.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.