• Publicado em

    Médica de 28 anos morre de Covid-19. É o segundo caso em 24 horas

    Sábado, tinha morrido um médico de 65 anos, Santos Julián Martínez

    Sara Bravo López, uma médica de 28 anos, foi confirmada este domingo como a quinta vítima entre profissionais de saúde em Espanha do novo coronavírus.

    A morte desta jovem médica foi confirmada no Facebook na página Sanidad Mancha Centro e representa o segundo caso de baixas entre pessoal médico, em Espanha, em 24 horas, na zona de Castilla-La Mancha.

    “Faleceu a nossa companheira Sara Bravo López, médica de família no Centro de Saúde de Mota del Corvo. Nesta localidade manchega ganhou o afeto e consideração de vizinhos e companheiros pelos seus valores humanos e pela sua louvável entrega e atitude profissional de serviço aos seus pacientes. Os colegas da nossa área integrada juntamos-nos à dor da sua família e amigos. Descanse em paz”, pode ler-se na nota publicada nas redes sociais.

    Este sábado já tinha sido confirmada a morte de Santos Julián Martínez, médico de 65 anos, que trabalhava no serviço de saúde de Castilla, sendo também representante do Colégio de Médicos de Albacete.

    A primeira vítima mortal em Espanha, refira-se, foi uma enfermeira de 52 anos, falecida há mais de uma semana, sendo que durante a última semana já tinha sido também confirmada a morte de dois médicos de Salamanca. Via/Noticias ao Minuto

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.