• Publicado em

    Ministério da Educação divulga data da inscrição para Prouni 2019

    A partir de 29 de janeiro as inscrições já podem ser realizadas

    A data da primeira fase do Programa Universidade Para todos (Prouni 2019) já foram definidas. De acordo com o edital, as inscrições poderão ser feitas a partir de 29 de janeiro a 1º de fevereiro. A seleção é gratuita e os candidatos interessados devem acessar a página do programa e solicitar o benefício.

    Leia também: Os melhores cursos de Engenharia Civil por ensino, docência e mercado de trabalho

    Posteriormente a etapa de inscrição, ocorrem duas chamadas regulares. Quem não for aprovado em nenhuma delas ainda terá outra oportunidade, por meio da lista de espera e também através do processo de seleção para bolsas remanescentes.

    Por se tratar de uma política pública, o programa possui uma série de regras e pré-requisitos. Entre as exigências, se encontram: ter realizado o último Enem e alcançado a pontuação média igual ou superior a 450 pontos e não ter zerado a redação; ter cursado o ensino médio em escola da rede pública ou ter cursando ensino médio em instituição privada, na condição de bolsista integral; ter renda per capita familiar mensal máxima de três salários mínimos e não ter um certificado de curso superior.

    O número de vagas não foi definido no edital do Prouni 2019, divulgado pela Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC). Os estudantes contemplados começarão a faculdade no primeiro semestre do próximo ano com bolsas de estudos integrais, de 100%, ou parciais, de 50%.

    Bolsas de estudo

    Além do Prouni, existem outros programas que ofertam bolsas de estudo. Uma opção, é o Educa Mais Brasil, programa que oferece descontos de até 70% para quem desejar começar uma graduação. Se interessou? Não perca tempo! Acesse o site do Educa Mais Brasil e confira todas as oportunidades disponíveis na sua região. Além de bolsas para graduação, é possível encontrar bolsas para cursos e escolas.

     

    Agência Educa Mais Brasil

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.