• Publicado em

    Mulher manda matar ex-namorado e queimar corpo em Goiás

    Mariana teria mandado matar Marlom quando os dois estavam em uma festa, na companhia de alguns amigos da acusada.

    O Grupo de Investigações de Homicídios de Luziânia cumpriu, na manhã desta quarta-feira (28) um mandado de prisão contra Mariana Martins Duarte. A mulher mandou matar o ex-namorado em 2017.

    Mariana teria mandado matar Marlom quando os dois estavam em uma festa, na companhia de alguns amigos da acusada. A festa acontecia na residência da mulher e, por causa de um desentendimento entre os dois, Mariana mandou três pessoas, que estavam na festa, pegarem uma faca e matarem o homem.

    Leia também: Censo da Educação Superior serão coletados até o dia 30 de agosto

    Os autos constam que Mariana arquitetou todo plano e, em seguida, mandou atear fogo no corpo para ocultar o cadáver. A Polícia Civil ficou sabendo do caso por causa de uma testemunha ocular.

    Após dois dias do ocorrido, Marlom foi localizado e o corpo já estava em estado de decomposição avançado. As investigações mostram que Mariana foi a mandante e ela foi levada para o Presídio Municipal Feminino de Luziânia nesta quarta-feira (26).

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.