• Publicado em

    Padrasto é preso suspeito de estuprar enteada de 12 anos, em Goiás

    Suspeita é de que os abusos aconteciam há mais de um ano; o homem foi detido na Deam e será encaminhado para a audiência de custódia

    Um homem de 30 anos foi preso na noite desta quarta-feira (06) suspeito de estuprar a própria enteada de 12 anos em Senador Canedo, Região Metropolitana de Goiânia. O caso só foi descoberto porque a garota se encontra grávida do suspeito e já está no terceiro mês de gestação.

    De acordo com a Polícia Militar, a suspeita é de que o abusos aconteciam há cerca de dois anos. A mãe da garota começou a desconfiar das mudanças no corpo da garota e, ao questioná-la, a menina relatou o que acontecia.

    Compartilhe esta matéria e concorra a R$ 500 reais. (clique aqui e veja as regras)

    Ainda segundo a corporação, após saber de toda a história, a mulher expulsou o ex-companheiro de casa, mas ainda era constantemente ameaçada por ele e acionou a polícia.

    O homem foi preso e encaminhado para a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam). Segundo a titular da delegacia, Ana Elisa, o flagrante foi realizado pelas ameaças que a mãe da garota recebia.

    “O estupro não foi considerado flagrante já que a garota está grávida de três meses. Ele será encaminhado a audiência de custódia ainda hoje (07). O crime de estupro será investigado pela DPCA – Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente – aonde serão colhidos todos os depoimentos”, destaca a delegada.



    Fonte/Mais Goiás

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.