• Publicado em

    Polêmica: Deputado com chapéu e mulher no colo em cerimônia de posse em Goiás

    Nas redes sociais a atitude do Deputado causou grande polêmica.

    Na última sexta-feira (1º), ocorreu pelo país a posse dos novos parlamentares, que passarão a ocupar o cargo conquistado através das eleições ordinárias de 2018.

    Em Goiás, um fato bastante inusitado está dando o que falar nas redes sociais, envolvendo o deputado estadual Amauri Ribeiro, do PRP, que participou com os novos colegas da cerimônia de posse na Assembleia Legislativa do estado.

    Duas atitudes geraram grande polêmica, envolvendo o nome do deputado. Primeiramente, ele estava usando um chapéu, o que é totalmente vedado pelo regimento interno da casa. Além disso, ao ocupar o seu assento, ele colocou a sua esposa em seu colo durante a solenidade, rendendo muitas críticas, sobretudo por acusações de machismo.

    A assessoria da Assembleia Legislativa de Goiás informou que, aos novos parlamentares, foram apresentados, na última semana, documentos que traziam todas as orientações, recomendações e proibições, no sentido de se manter o decoro parlamentar. Estes receberam o nome de “Informações Regimentais”, e seriam de leitura obrigatória por todos os novos deputados, sobretudo em suas funções de representação do povo de seu estado.

    Todavia, a equipe do cerimonial decidiu não se manifestar sobre o assunto e nem cobrar o deputado. A alegação foi de se tratar de uma sessão solene.

    Amauri ficou, durante todo o tempo, com seu chapéu na cabeça, retirando-o apenas no momento em que foi executado o Hino Nacional do Brasil.

    A TV Assembleia, de Goiás, fez uma entrevista com o polêmico deputado, questionando suas atitudes. Em sua defesa, ele alegou tratar-se de seu estilo, como uma marca de sua defesa pelos produtores rurais do estado.

    Leia também: Deputado goiano esclarece motivo de usar chapéu na seção de posse e também porque sua esposa estava em seu colo, assista

    O que você achou da atitude do Deputado? Comente abaixo, e não se esqueça de marcar a opção publicar no Facebook. 

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.