• Publicado em

    Polícia acredita que médico do Exército foi executado a tiros em Goiás

    A identificação dele foi feita por meio de digital e também de um documento expedido no Tocantins encontrado junto ao corpo.

    Um jovem foi encontrado morto na manhã deste sábado (13) nas proximidades da Cachoeira dos Cristais, na Chapada do Veadeiros, em Alto Paraíso, Goiás. Segundo a Polícia Civil, o rapaz foi morto com ao menos quatro tiros. A perícia apontou que o homem trata-se de Gabriel Costa Silva, de 28 anos, e teve perfurações de bala na nuca, bochecha, costela e nas costas.

    Segundo a polícia, ao que tudo indica, o jovem estava em uma festa realizada no local na sexta-feira (12). Durante a perícia, foram encontradas cápsulas de revólver calibre .32. Ele era médico e trabalhava na Escola de Saúde do Exército. A Polícia Civil trabalha com a hipótese de execução.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.