• Publicado em

    Polícia recupera carga de 800 botijões de gás roubada na BR-060

    Valor estimado pelos policiais é de R$ 500 mil. Motorista do caminhão roubado foi rendido e deixado às margens da rodovia, próximo a Indiara. Caminhão roubado foi abandonado pelos suspeitos. (Foto: Polícia Militar/ Reprodução)

    A Polícia Militar, por meio do Comando de Operação de Divisas (Cod), recuperou na manhã desta quarta-feira (23), uma carga de 800 botijões de gás roubada na BR-060, entre os municípios de Indiara e Cezarina. Os policiais estimam que a carga esteja avaliada em R$ 500 mil e seria vendida no interior do estado.

    O subtenente Gabriel Moreira, do Cod, explicou que equipes da Polícia Civil foram informadas que o caminhão que transportava os botijões desviou de sua rota e informou a Polícia Militar. “Os suspeitos estavam usando um rastreador mas acredito que o aparelho deu problema, pois em menos de 40 minutos nós conseguimos rastrear onde eles estavam. Eles tinham uma escolta que percebeu a presença da viatura”, relata.

    Como os suspeitos notaram a presença da polícia, abandonaram a carga em um trecho entre as cidades de Palmeiras e Campestre. Segundo Gabriel, após encontrar a carga os policiais procuraram pelo motorista do caminhão, que foi encontrado em outro trecho da rodovia, em uma mata no município de Indiara.

    O policial conta que o motorista disse ter sido rendido por três homens que estavam em um Gol branco com um giroflex. Os suspeitos se identificaram como policiais para fazer o condutor encostar o veículo e então roubaram a carreta e amarraram a vítima, colocando-a no porta-malas do automóvel.

    Gabriel conta que o homem foi deixado na mata e os suspeitos fugiram até serem rastreados pela polícia. O subtenente conta que os produtos possivelmente seriam vendidos nas cidades do interior do estado, já que botijões de gás possuem bom valor de venda.

    Até o fechamento desta matéria, nenhum dos três suspeitos foi preso ou identificado pela polícia. Fonte/ Mais Goiás

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.