• Publicado em

    Policial é morto por atual namorado da ex após perseguir e atirar contra casa

    O PM estava fora de serviço e ficou inconformado ao ver a ex-namorada acompanhada em um bar

    Na madrugada deste domingo (26), um policial militar morreu com um tiro no pescoço após perseguir e atirar contra a ex-namorada e seu atual companheiro em Feira de Santana, na Bahia.

    O PM Florisvaldo Moreira Santos Júnior, de 39 anos, estava fora de serviço e ficou inconformado ao ver a ex-namorada acompanhada em um bar.

    Quando o casal deixou o estabelecimento, começou a ser perseguido por Florisvaldo e o carro onde os dois estavam acabou batendo contra um poste.

    Após o acidente, o soldado chegou a atirar três vezes contra a ex-namorada e seu atual companheiro, mas não foram atingidos. Em seguida, o atual namorado revidou e baleou o policial no pescoço.

    O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi até o local para prestar o socorro, mas Florisvaldo Moreira já estava morto.

    Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA) informou que o soldado já respondia a três processos de violência contra ex-companheiras. Ele teria inclusive tentado matar o atual companheiro de uma delas.

    Ainda segundo a SSP, o autor do disparo que acertou o militar, após o crime, entrou em contato com a Polícia Civil e irá se apresentar nesta segunda-feira (27) na companhia de um advogado de defesa.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.