• Publicado em

    Prouni 2019.2: prazo para ingressar na lista de espera começa hoje (15)

    Candidato deve ficar atento: procedimento só pode ser feito até amanhã (16)

    A partir desta segunda-feira (15) está aberto o prazo para a manifestação de interesse na lista de espera do Prouni 2019.2. Interessados têm até amanhã (16), às 23h59, para realizar o procedimento no site do Programa Universidade para Todos e ter chance de ser contemplado com uma bolsa de estudo em instituições privadas brasileiras e começar a graduação ainda no segundo semestre deste ano.

    A oportunidade é válida para quem não foi contemplado durante as chamadas regulares (1ª e 2ª chamada) da segunda edição do Prouni 2019. As Instituições de Ensino Superior (IES) poderão consultar a relação dos candidatos diretamente no sistema eletrônico (Sisprouni) a partir do dia 18 de julho.

    Leia também: Professores de educação física passarão a ter o diploma exigido 

    A partir do dia seguinte (19), os candidatos já deverão complementar as informações concedidas na inscrição para garantir o direito à vaga em que foi selecionado. Neste caso, é preciso apresentar os documentos necessários para a realização do procedimento. O prazo termina no dia 22 de julho.

    O Prouni disponibilizou mais de 169 mil vagas em todo o país, das quais 68 mil deram descontos integrais na mensalidade a juros zero, por meio do Governo Federal, para candidatos com renda familiar per capita mensal de até 1,5 salários mínimos. E os candidatos com renda entre 1,5 e três salários mínimos puderam se candidatar no restante das vagas e concorrer a 50% de desconto.

    Todos os candidatos devem ter estudado em escolas públicas – ou terem sido bolsistas integrais em instituições privadas na educação básica. Professores da rede pública e pessoas com deficiência também fazem parte do público-alvo do programa.

    Playlist Jornal Das 11, assista;

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.