• Publicado em

    Tragédia: mãe de homem que tirou a vida da própria família e se matou morre em hospital

    A tragedia conteceu em em Joinville, no Norte de Santa Catarina.

    A mãe de Roberto Pasquali, de 24 anos, que também foi atacada na manhã de domingo (06), morreu na madrugada desta segunda-feira (07), por volta das 02h15 no Hospital Municipal São José.

    A família Pasquali preparava um churrasco de domingo, no bairro Aventureiro em  em Joinville, no Norte de Santa Catarina quando, por volta das 11h, Roberto matou o filho, Júlio César Pasquali, de três anos; a mulher, Aline Grasiela Dilkin, 25 anos; e o pai Nereu César Pasquali. A mãe, Clecy Aparecida Melle Pasquali, de 50 anos, foi socorrida pelo helicóptero Águia, mas não resistiu e morreu na madrugada.

    De acordo com informações da Polícia Militar, ele teria matado a esposa e o filho na cozinha de casa. Segundo o Instituto Médico Legal (IML), o menino apresentava um corte profundo no pescoço e um tiro na cabeça. A mulher também foi esfaqueada e baleada.

    Logo depois, Roberto teria ido até à garagem e esfaqueado e atirado no pai. Em seguida, esfaqueou a mãe e se matou com facadas no peito e um corte profundo no pescoço.

    Segundo a PM,  as armas usadas no crime foram uma 38 e uma faca de churrasco. Na casa, a PM também encontrou uma arma .40. Roberto não tinha antecedentes criminais. Via/fonte Agora Joinville

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.