• Publicado em

    Trecho da BR-060 é liberado após ser bloqueado

    Manifestantes do MST são contra a privatização da CELG e reivindicam mudanças na política agrária do país, mais assentamentos e uma reunião com Dilma Rousseff .

    Foram liberadas as duas faixas na altura do km 329, na BR-060, que estavam bloqueadas por um grupo formado por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), desde o início da manhã desta terça-feira (12).

    Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal esteve no local e negociou junto aos manifestantes a liberação da via.

    O grupo informou que atingiu parcialmente os objetivos da ação.

    Eles contaram que o movimento é coordenado por líderes de Brasília e a intenção era realizá-lo em diversos pontos do país.

    Eles reivindicavam mudanças na política agrária do país, mais assentamentos, são contra a privatização da CELG e por uma reunião com a Presidente da República.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.