• Publicado em

    Vídeo mostra contador atropelando de propósito um mendigo, em MT

    Vítima morreu e foi enterrada como indigente. O suspeito confessou o crime e está preso. Assista

    O contador Thiago Bernini, de 34 anos, foi preso na segunda-feira (9) por atropelar intencionalmente um morador de rua de 61 anos, em Lucas do Rio Verde, cidade que fica a 360 km de Cuiabá, capital do Mato Grosso. A vítima, identificada como Francisco Vianei dos Santos Silva, teve traumatismo craniano e morreu.

    Em depoimento à Polícia Civil, o autor do crime relatou que o morador de rua o incomodava por se abrigar em uma obra dele. A prisão temporária do contador foi decretada pela Justiça. Ao G1, o delegado Rafael Scatolon falou sobre o caso.

    “Ele admitiu que atropelou o morador de rua de propósito. Justificou que procurou órgãos de assistência social para retirar o morador dessa obra, porém, afirmou que nada foi feito. Ele disse que queria apenas dar um susto nele e que não tinha a intenção de matar”, disse Scatolon.

    Assista;

    O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) ficou indignado com o caso e se manifestou através de sua página no Facebook.

    “A típica gente de bem” que se indigna ou se escandaliza com artes plásticas que se referem às guerras religiosas ou às guerras justificadas por discursos religiosos, mas é capaz de matar um ser humano desprotegido e fraco apenas porque, segundo ela, estava usando sua obra como abrigo; a típica gente de bem que se veste de verde-e-amarelo e vai às ruas pedir o fim da corrupção e de tudo de errado que está aí, mas não olha para o que ela mesma faz de errado cotidianamente. Será que, nesse caso de homicídio doloso, ainda continua valendo a máxima bandido bom é bandido morto para o autor do crime? Será que esse assassino do morador de rua também defende a pena de morte para si mesmo?”, escreveu o deputado.

    O crime aconteceu no dia 17 de abril. Thiago Bernini, que deve ser indiciado por homicídio duplamente qualificado por motivo fútil, usou uma caminhonete para atropelar o morador de rua. A vítima foi enterrada como indigente. Câmeras de segurança próximas ao local registraram a ação e as imagens foram divulgadas pela polícia.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.